Menu

quarta, 18 de julho de 2018

“Nacional de Patos não pode ganhar”, determina dirigente do Botafogo a bandeirinha durante Campeonato Paraibano de Futebol

14-maio-2018 Esporte

O Campeonato Paraibano de Futebol deste ano, que terminou no dia 08 de abril, vem sendo investigado pela polícia sob suspeita de um grande esquema de manipulação de resultados em diversas partidas da série A.

Mais uma reportagem exibida na noite deste domingo, (13), no Fantástico, da Rede Globo, mostrou que o Nacional de Patos foi um dos maiores prejudicados no esquema.

Para a polícia, quem mais manipulou resultados foi Breno Morais, vice-presidente do Botafogo. Com ajuda da comissão de arbitragem, o cartola escolhia juízes e bandeirinhas.

Na partida entre Nacional de Patos e CSP, no dia 25 de fevereiro, no Estádio Municipal José Cavalcante, a investigação apontou que o time patoense foi prejudicado com o esquema, quando Breno Morais ligou para o bandeirinha Tarcísio de Sousa pouco antes da partida e determinou que o Nacional não poderia ganhar a partida: “Eu posso botar você em Patos? Você vai ajudar? O Nacional de Patos não pode ganhar!”, determinou por telefone.

Com o juiz e auxiliar escolhidos pelo vice-presidente do Botafogo, o Nacional perdeu e teve até um gol anulado em um lance polêmico. O resultado, favoreceu o Botafogo na tabela

Apesar de existir sorteio para escolha dos juízes durante as partidas, a investigação comprovou que os sorteios muitas vezes foram fraudados.

A reportagem do maispatos conversou com o Presidente do Nacional de Patos, Alisson Nunes e ele disse que a diretoria irá se reunir para definir o que será feito diante do esquema que prejudicou diretamente o time patoense” “Não há o que interpretar. A investigação é clara e mostra que todo o esquema culminou diretamente na desclassificação do Nacional no campeonato. Vamos nos reunir, definir uma linha de raciocínio e levar o caso a justiça”, declarou.

Ao todo, foram mais de 100 mil conversas de 115 telefones monitorados pela Polícia Civil e pelo Ministério Público da Paraíba, durante três meses.

A Confederação Brasileira de Futebol, CBF, suspendeu todos os árbitros da Paraíba. AS investigações continuam.

MaisPatos

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSMETROPOLE.COM.BR, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSMETROPOLE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.

Notícias Relacionadas

Clubes destituem Nosman da FPF e elegem junta...

Em assembleia realizada na tarde desta segunda-f...

Olheiros de grandes clubes brasileiros estão...

  Está sendo realizada na cidade de...

Patos sedia Super Copa do Nordeste de Futebol...

Teve início na noite desta quarta-feira, ...

Campeonato Paraibano de 2018 pode sofrer “v...

Imagine um time ser rebaixado da primeira para a...

Outras categorias