Menu

sexta, 14 de dezembro de 2018

Velório dos jovens mortos em acidente atrai multidão em Catingueira

06-dezembro-2018 Gerais

Os corpos dos jovens Eduardo Pereira e Diego David mortos em um trágico acidente ocorrido na última segunda-feira (03), próximo à cidade de Catingueira, foram sepultados nesta terça-feira (04).

O velório atraiu uma multidão de pessoas no final da tarde de ontem no pátio da Igreja Matriz. A celebração foi feita pelo Padre José Nildo Lopes.

Bastante abalada, a mãe de um dos jovens usou da palavra e pediu mais atenção das pessoas quando estiveram pilotando motos ou dirigindo carros já que a BR-361 é uma estrada muito perigosa com a presença frequente animais, principalmente jumentos.

Depois das homenagens, o cortejo saiu com destino ao Cemitério de São Sebastião. No trajeto, mais homenagens foram feitas por amigos e familiares dos jovens.

O acidente

O acidente que provocou a morte de Eduardo Pereira e Diego David aconteceu por volta de 01h:00mm da última segunda-feira (03), nas proximidades do Sítio Cedro, cerca de 4 km’s do centro da cidade. Ao todo, quatro pessoas foram a óbito e três ficaram feridas.

Os quatro jovens se dirigiam da cidade de Emas até Catingueira. O motorista do veículo, possivelmente o professor Gilbamar Gomes, mas conhecido como “Gil de Graça”, bateu de frente com um caminhão ao tentar desviar de um jumento que se encontrava morto na pista, fruto de uma colisão anterior com outro veículo. Com a colisão, o carro com os jovens se incendiou e todos morreram carbonizados.

Outros dois jovens que vinham logo atrás em duas motos também se acidentaram e foram encaminhados até o Hospital Regional de Patos. Dois deles, se encontravam com fraturas expostas e passaram por cirurgias. O terceiro jovem teria se acidente quando foi olhar o acidente. Ambos estão fora de perigo.

Morreram no acidente o professor Gil Gomes, e os jovens Eduardo Pereira, Diego David e Cleiton Silva, todos naturais de Catingueira.

Segundo informações do IML, em razão do estado em que se encontram os corpos dos jovens, apenas dois puderam ser identificados por meio da arcada dentária. Os demais, Cleiton Silva e Gil Gomes, passaram por exames de DNA para que possam ser identificados e liberados.

Catingueira Online

 

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSMETROPOLE.COM.BR, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSMETROPOLE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.

Notícias Relacionadas

Federação critica “uberização” do tra...

O vice-presidente da Federação Int...

Vice-presidente da Anoreg/BR, Germano Toscano...

O vice-presidente da Associação do...

Serviço realizado no “Açude de Coremas”...

Uma importante ação está se...

Identificada uma das vítimas de acidente aut...

Uma forte colisão na manhã desta q...

Outras categorias