Menu

terça, 23 de outubro de 2018

Ministério Público do trabalho apura morte de trabalhador em Junco do Seridó

13-novembro-2015 Junco do Seridó

O Ministério Público do Trabalho está investigando a morte de um trabalhador em uma mina de caulim, no Junco do Seridó, Sertão do Estado. A procuradora do Trabalho, Marcela Asfóra, disse a Procuradoria em Patos recebeu informações sobre o acidente e vai apurá-las.

Segundo as informações, o homem de 35 anos de idade, carregava a caçamba de um caminhão com pedras de caulim, juntamente com outros companheiros de trabalho, quando caiu de cima do veículo dentro de uma banqueta, buraco de vários metros de profundidade cavado para a extração do minério.

A vítima teve várias fraturas e morreu ainda no local do acidente.

“Foi aberto um procedimento administrativo para apurar o acidente fatal. Requisitamos ação fiscal à Gerência Regional do Trabalho e Emprego em Campina Grande, bem como inspeção do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) Regional de Patos. Ambos os órgãos deverão verificar, in loco, os motivos que ocasionaram o acidente”, afirmou a procuradora Marcela Asfóra, destacando que ainda não conseguiu mais informações sobre o acidente.

Correio da Paraíba

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSMETROPOLE.COM.BR, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSMETROPOLE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.

Notícias Relacionadas

Bombeiros conseguem controlar o fogo nas serr...

Um incêndio que se perdurou por exatamente...

Incêndio entre Junco do Seridó e Assunção...

Entre Junco do Seridó e Assunç&a...

Jovem perde a vida em garimpo de caulim em Ju...

Mais um trabalhador informal morreu apó...

OFICIAL: Prefeitura do Junco do Seridó suspe...

A nota lacônica publicada na P&aacu...

Outras categorias