Menu

terça, 22 de agosto de 2017

Especialista diz que o fenômeno La Niña pode está de volta no final de 2017

02-agosto-2017 Rodrigo Cézar Limeira

Um alento, e ao mesmo tempo uma boa notícia. O retorno do fenômeno La Niña pode se confirmar no final de 2017, é o que afirma o físico e meteorologista Rodrigo Cézar Limeira.

De acordo com o especialista, toda a grande bacia próxima ao Oceano Pacífico Central está em processo de arrefecimento, fato que pode culminar com o retorno da La Niña. Esse processo vem sendo observado desde meados de Junho.

Tanto na costa do Peru e Equador, a chamada região do Niño 1,2, como também no centro do Pacífico, região do Niño 3,4, o cenário é o mesmo. Desentensificação de áreas de aquecimento, que rapidamente vêm desaparecendo, e normalização da temperaturas das águas do referido oceano.

A tendência de resfriamento segue, algo positivo para as chuvas do semiárido em 2018. Apesar de ainda ser muito cedo, pontua o estudioso. É necessário ver o comportamento térmico do Oceano Atlântico Sul na altura da costa do Nordeste, e do Atlântico Norte, no final de 2017, para ver a perspectiva de chuvas para próximo ano. Mas o fato de La Niña está de volta ainda em 2017, é algo positivo para o semiárido em 2018.

Rodrigo Cézar Limeira - Portal Ciência em Foco 

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSMETROPOLE.COM.BR, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSMETROPOLE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.