Banner Inecardio
166 notificações

Chega a oito o número de casos confirmados de sarampo na PB

Pacientes infectados são das cidades de João Pessoa, Barra de São Miguel, Bayeux, Santa Rita e Santa Cecília

27/09/2019 15h02
Por: Ary Ramalho
Fonte: Portal Correio
17
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado da Saúde informou nesta sexta-feira (27) que já recebeu um total de 166 notificações de sarampo na Paraíba. Destas, oito foram confirmadas (quatro em João Pessoa, uma em Barra de São Miguel, uma em Bayeux, uma em Santa Rita e uma em Santa Cecília).

Ainda de acordo com a secretaria, 60 casos já foram descartados e 98 seguem em investigação. Veja abaixo o perfil dos pacientes infectados por sarampo:

Caso 1 – Sexo masculino, 41 anos, residente em João Pessoa, não vacinado, histórico de ida a São Paulo, início do exantema no dia 2 de agosto de 2019;

Caso 2 – Sexo feminino, 32 anos, residente em João Pessoa, vacinada, histórico de ida a São Paulo, início do exantema no dia 16 de agosto de 2019;

Caso 3 – Sexo masculino, 24 anos, residente em João Pessoa, não vacinado, histórico de ida a Recife, início do exantema no dia 20 de agosto de 2019;

Caso 4 – Sexo feminino, 45 anos, residente em Barra de São Miguel, não vacinada. Ida ao município Santa Cruz do Capibaribe (PE). Início exantema em 19 de agosto de 2019;

Caso 5 – Sexo Masculino, 30 anos, residente em João Pessoa, não tem histórico de viagem, data do exantema 22 de agosto de 2019;

Caso 6 – Sexo Masculino, 1 ano, residente em Bayeux, não tem histórico de viagem, data do exantema 23 de julho de 2019.

Caso 7 – Sexo Masculino, 23 anos, residente de Santa Cecília, com histórico de viagem ao município de Taquaritinga do Norte (PE), data do exantema 29 de julho de2019;

Caso 8 – Sexo Masculino, 4 anos, residente de Santa Rita, não tem histórico de viagem, data do exantema 07 de agosto de 2019.

Vacina

O Estado da Paraíba se encontra com 89,51% de cobertura vacinal, até o mês agosto de 2019. A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, com o objetivo de interromper a circulação do vírus no País e será realizada de forma seletiva, ocorrendo em duas etapas:

Primeira etapa:

Período: 7 a 25 de outubro

Dia D: 19 de outubro

Público – alvo: crianças de seis meses e menores de 5 anos de idade ( 4 anos, 11 meses e 29 dias)

Segunda etapa:

Período: 18 a 30 de novembro

Dia D: 30 de novembro

Público – alvo: população de 20 a 29 anos de idade

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários