Banner Inecardio
chuvas

Patos registrou chuva um pouco abaixo da média em 2019, em 2020 poderá ter chuva na média ou acima dela prevê estudioso

Já no posto pluviométrico da Embrapa choveu em 2019, um total de 687,5 mm também de acordo com dados fornecidos pela Empaer

02/02/2020 17h06Atualizado há 4 meses
Por: Ary Ramalho
Fonte: Ciência em Foco
322
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A cidade de Patos registrou chuvas um pouco abaixo da média em 2019 conforme previa o físico, meteorologista e mestre em Meteorologia Rodrigo Cézar Limeira.

No posto pluviométrico do Palmeirão, onde está instalado um pluviômetro padrão Ville de Paris, choveu 635,7 mm de acordo com o técnico da Empaer Marconi Palmeira. Já no posto pluviométrico da Embrapa choveu em 2019, um total de 687,5 mm também de acordo com dados fornecidos pela Empaer.

 

Os dados de apenas um posto pluviométrico de um município, não retratam bem o total de chuvas observado naquele município ao longo do período chuvoso. 

 

Na estação meteorológica do bairro do Jatobá, choveu durante o período chuvoso de 2019 um total de 640,9 mm de acordo com dados repassados pelo observador Ocean Francisco dos Santos. No segundo semestre de 2019 choveu muito pouco em Patos e região. O portal Ciência em Foco não conseguiu informação sobre o total observado ao longo de todo o ano, mas não foi muito diferente do total observado entre os dias 01/01 e 12/06 de 2019 que foi conforme já mencionado 640,9 mm.

 

A média pluviométrica anual em Patos é de 700 mm na Embrapa e 715 mm na estação meteorológica do Jatobá. Considerando-se a média de 700 mm de chuva, faz-se a média aritmética dos dados da Embrapa e do posto do Palmeirão:

 

O Índice de Chuvas em Patos (ICP) é obtido fazendo-se:  ICP = (635,7 + 687,5)/2 = 661,6 mm que é um total pluviométrico um pouco abaixo dos 700 mm.

 

Dessa forma, de acordo com esses dois dados oficiais, Patos registrou chuva um pouco abaixo da média em 2019.

 

PARA 2020, O FÍSICO RODRIGO CÉZAR LIMEIRA PREVÊ CHUVAS DENTRO DA NORMALIDADE NA MAIORIA DAS LOCALIDADES DO CARIRI, SERTÃO E ALTOSSERTÃO DA PARAÍBA, NO ENTANTO, EM ALGUMAS LOCALIDADES AS CHUVAS PODERÃO FICAR ACIMA DA MÉDIA DEVIDO A FENÔMENOS COMO CONVECÇÃO LOCALIZADA. ANALISANDO ESSA PREVISÃO PARA PATOS, PODE-SE AFIRMAR QUE SE OCORRER CONVECÇÃO LOCALIZADA NA REGIÃO DA CIDADE, AS CHUVAS NO MUNICÍPIO PODERÃO FICAR ACIMA DA MÉDIA EM 2020, CASO NÃO OCORRA, PODERÁ SE DESENHAR UM CENÁRIO PARA CHUVAS DENTRO DA NORMALIDADE NO REFERIDO LOCAL.

 

DESSA FORMA, O ESTUDIOSO ESPERA QUE PATOS POSSA REGISTRAR 660 MM OU ACIMA DOS 660 MM DE JANEIRO A JUNHO DE 2020.

 

RECAPITULANDO: MÉDIA PLUVIOMÉTRICA ANUAL EM PATOS NA EMBRAPA: 700 MM, E DE JANEIRO A JUNHO A MÉDIA DE CHUVAS EM PATOS É DE APROXIMADAMENTE 660 MM.