Banner Inecardio
obediência

Atendimento de pessoas sintomáticos para Covid-19 em Patos preconiza atendimento inicial em UBS e no Hospital apenas os casos moderados e graves

O SAMU deverá dar suporte nos casos solicitados para as necessidades de transferência destes pacientes

25/03/2020 21h28
Por: Ary Ramalho
Fonte: News Comunicação
83
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

O fluxo de atendimento às pessoas sintomáticas respiratórios para o Covid-19, em Patos, foi definido pelas autoridades de saúde local da seguinte forma: Àquelas pessoas que apresentam sintomas leves, devem se dirigir as UBS âncoras que são: UBS Solon Medeiros no Salgadinho, UBS Horácio Nóbrega, no Sâo Sebastião, UBS Domiciano Vieria, na Maternidade e UBS Metódio, no Monte Castelo. A noite e nos finais de semana fica o PA Maria Marques responsável pelo atendimento aos sintomáticos respiratórios. Caso haja necessidade, o paciente será encaminhado para a UPA e esta, por sua vez, se avaliar ser necessário regula o paciente, através do NIR, para o Hospital de referência (Infantil, Maternidade ou Regional). O SAMU deverá dar suporte nos casos solicitados para as necessidades de transferência destes pacientes.

A diretora geral do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, de Patos, Liliane Sena, explica que a obediência a essa definição de fluxo de recebimento de pacientes é necessária para evitar uma super lotação no Complexo. "Imagina se todas as pessoas que estiverem com sintomas de um resfriado forem procurar o hospital para ser atendido. Fatalmente, isso iria provocar uma super lotação desnecessária que prejudicaria quem, de fato, precisa de cuidados mais intensivos", explicou Liliane. Ela lembra que o atendimento na unidade deve ser preservado para casos de moderados e graves. "Precisamos nos antever a situações limite, até porque sabemos que os casos de Covid-19 tendem a surgir e crescer em ritmo exponencial e se respeitarmos esse fluxo estabelecido estaremos preservando e priorizando o atendimento de quem de fato precisa estar no hospital", destaca a diretora, fazendo um apelo à população neste sentido. Ela ainda reforçou a necessidade de todos manterem o isolamento social contribuindo, assim, com a diminuição da disseminação do vírus.

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.