Banner Inecardio
possibilidade

Unidades de Acolhimento: DPE-PB recomenda à SES vacinação contra gripe em internos e profissionais

Eficiência em diagnóstico

26/03/2020 14h39
Por: Ary Ramalho
Fonte: Por Cândido Nóbrega
42
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O coordenador do Núcleo Especializado da Criança e do Adolescente da Defensoria Pública da Paraíba, Antônio Nery de Luna Freire, formalizou recomendação ao secretário estadual de Saúde, Geraldo Medeiros, no sentido de que logo após a vacinação dos grupos preferenciais (idosos e profissionais de saúde), avalie a possibilidade de aplicação dessa conduta às crianças, adolescentes e profissionais em contexto de convivência nas Unidades de Acolhimento Institucional, bem como de Comunidades de Atendimento Socioeducativo.

O defensor público Antônio Nery justificou a adoção da medida emergencial em vários fundamentos, dentre eles a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) pela Organização Mundial de Saúde (OMS), a decretação da situação de emergência em todo o território do Estado da Paraíba e o início da campanha de vacinação contra gripe no dia 23 de Março de 2020.

Eficiência em diagnóstico

“Também levamos em consideração que a vacinação para gripe, ainda que não tenha eficácia contra o coronavírus, auxilia os profissionais de saúde a descartarem as influenzas na triagem, tornando mais eficaz o diagnóstico para a Covid-19”, destacou.

Ele acrescentou ainda que a iniciativa atende aos interesses da saúde pública e das crianças e adolescentes em acolhimento institucional ou cumprimento de medida socioeducativa: Casa Educativa Feminina Rita Gadelha, Centro educacional do adolescente (CEA), Centro Educacional do Jovem (CEJ), Centro Socioeducativo Edson Mota (CSE), ambos em João Pessoa/PB, Lar do Garoto em Lagoa Seca/PB e Centro Educacional do Adolescente (CEA) em Sousa/PB.

A resposta ao presente deverá ser encaminhada à Núcleo Especializado da Criança e do Adolescente, preferencialmente por e-mail ([email protected]) ou whatsApp (83) 9.9981-5006.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.