Banner Inecardio
vitimados fatalmente

Vulneráveis, Oficiais de Justiça são vitimados pela Covid-19

O primeiro Oficial de Justiça a vir a óbito foi José Dias Palitot, do TRT de São Paulo, que era lotado no gabinete do desembargador Nelson Bueno

07/04/2020 14h59
Por: Ary Ramalho
Fonte: Por Cândido Nóbrega
89
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Nos últimos 15 dias, dois Oficiais de Justiça foram vitimados fatalmente pelo novo coronavírus no estado de São Paulo, que registra, até esta segunda-feira (6) o maior número de casos (4620) e mortes (275) no país e teve a quarentena estendida aos seus 645 municípios até o final deste mês pelo governador João Doria.

O primeiro Oficial de Justiça a vir a óbito foi José Dias Palitot, do TRT de São Paulo, que era lotado no gabinete do desembargador Nelson Bueno. Já neste final de semana, também na capital paulista, foi a vez da
Oficiala de Justiça Clarice Fuchita Kestring do TRT-SP, que era  lotada na Central de Mandados da Unidade de Apoio Operacional paulista.
A ambas as famílias consternadas desses colegas, o Sindojus-PB externou as mais profundas condolências pelas súbitas e irreparáveis perdas e roga a Deus que lhes dê o merecido repousto eterno em seu Reino.

O presidente do Sindicato, Benedito Fonsêca, alertou os colegas para que mantenham todas as cautelas possíveis no cumprimento de suas atividades, tendo em vista suas inevitáveis exposições ao Covid-19 e lembrou que a entidade continua vigilante quanto ao fornecimento de EPI’s pelo TJPB, bem como quanto à criteriosa observância da urgência nos mandados expedidos.