Banner Inecardio
caso de retomada

Nacional de Patos já monitora atletas que pretende repatriar para a retomada do Paraibano

Goleiro Danilo e zagueiro Yuri estão nos planos da diretoria do Canário do Sertão para quando ou se o estadual voltar a ser disputado. A jovem promessa Israel Felipe segue vinculado ao clube

16/05/2020 08h13
Por: Ary Ramalho
Fonte: GE-PB
49
Foto - Reprodução
Foto - Reprodução

Além de Danilo e Yuri, outros nomes que devem estar presentes numa possível remontagem do elenco: são o atacante Israel Felipe, joia do clube, que tem contrato até 2022 e uma multa rescisória milionária, e o goleiro Camilo, que se recupera de uma lesão sofrida ainda no início desta temporada em seu joelho direito. O segundo, porém, tem um prazo de recuperação de pelo menos mais dois meses, e, caso o Paraibano volte antes do mês de agosto, é provável que ele não atue.

Na comissão técnica, a tendência é que o auxiliar da casa, Delany Nóbrega, assuma o comando. O profissional, inclusive, já esteve à frente do time em outras temporadas, como no ano passado, quando o Naça avançou até a fase de mata-mata do estadual.

Mesmo com um planejamento esboçado para uma eventual volta do Paraibano, o Nacional de Patos já manifestou através do seu presidente, Cleodon Bezerra, que só volta a disputar a competição com garantias de saúde e de pagamento do programa de incentivo ao esporte por parte do Governo do Estado da Paraíba. Na verdade, não só o Naça, mas todos os demais clubes que disputam o estadual têm aguardado ansiosamente esse benefício.