Centro Educacional Ágape
cuidados

João pede compreensão da população para evitar aglomerações: ” Se quiser brincar o carnaval de 2022, se proteja agora em 2021″

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), no entanto, reforçou, neste final de semana, o apelo para a população ter compreensão da gravidade do problema e evitar as aglomerações.

14/02/2021 17h09
Por: Ary Ramalho
Fonte: Blog do Ninja
23
Foto - Reprodução
Foto - Reprodução

 

Apesar de na Paraíba não ter ponto facultativo neste carnaval, por conta da suspensão dos festejos, muitas pessoas foram para as praias aproveitar o feriadão, que foi liberado para uma parcela da população. O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), no entanto, reforçou, neste final de semana, o apelo para a população ter compreensão da gravidade do problema e evitar as aglomerações.

De acordo com o governador, quem realmente quiser brincar o carnaval de 2022, tem que se prevenir agora em 2021.

“É preciso ter a compreensão de que não há almoço grátis. Na hora que você não cumpre o que é recomendado, sem proteção pessoal, individual, sem evitar isolamento, o preço é cobrado posteriormente. Se você pegar o gráfico da Paraíba, se percebe que até novembro nós tínhamos atingido os menores índices de contaminação e óbito. Depois das eleições as curvas dispararam por conta do processo eleitoral. A partir do final do ano, as próprias festas de final de ano, com o controle que nós montamos, também começam a se refletir agora. Porque se tem um aumento de casos de meados de janeiro, as pessoas estão internas e agora é que estão sofrendo as consequências em termos de número de óbitos. Então é assim. Esta pandemia só tem uma forma de se proteger, é evitando aglomeração, cuidando da higiene das mãos e usando máscara o tempo todo. Nos EUA estão recomendando usar até duas máscaras. E é isso que nós estamos esperando da população, é a compreensão. Então é sempre ter cuidado, sobretudo com àquelas que desestimulam a vacinação. Só há uma forma de vencer essa doença, é com vacinação. Se quiser brincar o carnaval de 2022, se proteja agora em 2021”, disse.