Banner Inecardio
investigações

Organização Social citada na Operação Calvário continua recebendo por contrato com Governo da Paraíba, e em 5 meses de 2019 já faturou R$ 22 milhões

Cruz Vermelha Brasileira

04/06/2019 10h31
Por: Ary Ramalho
47

Citada junto com a Cruz Vermelha Brasileira nas investigações da Operação Calvário, a Organização Social IPCEP – Instituto de Psicologia Clínica Educacional e Profissional – continua recebendo normalmente recursos do Governo do Estado da Paraíba.

Em 2018 o IPCEP recebeu do Governo do Estado o montante de R$ 100 milhões em contratos para gestão do Hospital Metropolitano de Santa Rita, e o Hospital de Mamanguape.

Após a deflagração da Operação Calvário o governador João Azevedo determinou intervenção no Hospital de Trauma da Capital, cuja gestão era da Cruz Vermelha Brasileira.

Em relação a outra Organização Social, o IPCEP , também citado pelas autoridades que investigam o caso, até agora não se tem notícia de algo mais efetivo do Governo em relação a gestão do Hospital Metropolitano e Hospital de Mamanguape.

Ano passado o IPCEP recebeu do contrato com o Governo do Estado da Paraíba o montante de R$ 100 milhões , referentes as gestões dos dois hospitais, o Metropolitano e o de Mamanguape.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias