Quinta, 02 de Dezembro de 2021
83 9-8166-7186
Esportes próxima fase

Campinense elimina Sergipe nos pênaltis e passa de fase na Série D

Valendo pela segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, o jogo bem disputado, com chances para as duas equipes, teve como local, neste sábado (18), o estádio Amigão, em Campina Grande.

19/09/2021 10h01
30
Por: Ary Ramalho Fonte: Portal Correio
Foto Reprodução.
Foto Reprodução.

O goleiro Mauro Iguatu se transformou em herói com as mãos e com os pés na vitória do Campinense sobre o Sergipe nos pênaltis, depois do empate de 1 a 1, no tempo normal. Para garantir a classificação, na próxima fase da Série D, o goleiro da Raposa defendeu duas cobranças e ainda marcou o gol na última cobrança.

Valendo pela segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, o jogo bem disputado, com chances para as duas equipes, teve como local, neste sábado (18), o estádio Amigão, em Campina Grande.

O Campinense, atuando como mandante, tinha como proposta visitar o campo de ataque logo a partir dos primeiros minutos. A Raposa não demorou para abrir o placar com Fábio Lima cobrando pênalti. Com o resultado, o time rubro-negro teve condições de administrar no primeiro tempo.

Mas na segunda etapa, o Sergipe criou mais oportunidades para chegar ao empate. Os sergipanos ganharam o duelo no meio-campo. O empate aconteceu aos 40 minutos do segundo tempo. O atacante Henrique Bahia fez de cabeça, aplicando o castigo ao time da Raposa.

Nos últimos minutos de jogo, tanto o Campinense como o Sergipe buscaram resolver ainda com a bola rolando. Mas os dois goleiros mostraram categoria e conseguiram evitar a vitória, persistindo a igualdade com o placar de 1 a 1. Na partida de ida, aconteceu o empate de 2 a 2.

Decisão nos pênaltis

Com o empate de 1 a 1, a decisão terminou indo para os pênaltis, para se conhecer o classificado, como determina o regulamento da competição. O Sergipe começou a cobrar e marcou com o meia Doda. O Campinense encerrou as cobranças e Mauro Iguatu comemorou a classificação.

Seguindo a ordem de cobranças, o meia Doda fez 1 a 0 para o Sergipe. O meia Dione empatou para o Campinense. O volante Paulinho cobrou, pelo Sergipe, e Mauro Iguatu defendeu. O zagueiro Michel fez o segundo gol da Raposa. Luizinho fez o segundo do Sergipe.

O volante Rafinha cobrou e colocou o Campinense na vantagem. Júlio Lima parou nas mãos de Mauro Iguatu, que fez a segunda defesa. Ele mesmo foi para a cobrança do quarto tiro e fez 4 a 2 para o Campinense, colocado o time rubro-negro na terceira fase da Série D. Sem chance para o Sergipe, não foram feitas as duas últimas cobranças.

O Campinense se classifica com Mauro Iguatu, Felipinho, Michel Bennech, Itallo e João Victor; Rafinha, Patrick (Serginho Paulista), Marcelinho (Weverton) e Fábio Lima (Vitinho); Matheus Régis (Marcos Nunes) e Cláudio (Dione).

O Sergipe foi eliminado atuando com Igor Rayan, Paulo Fernando (Da Silva), Lazarini, Pit e Elivelton (Erick Bahia); Ageu, Hitalo Rogério (Henrique Bahia), Ninho Xavier (Luzinho) e Doda; Paulinho e Júlio Lima.

Arbitragem

Diferente da primeira fase, a CBF escalou um trio do Rio Grande do Sul, para trabalhar na partida entre Campinense e Sergipe. O árbitro foi Roger Goulart. Os assistentes foram Fabricio Lima Baseggio e Tiago Augusto Kappes Diel.

O quarto árbitro foi Diego Roberto e o analista de campo foi Miguel Félix, ambos da Paraíba. Antes, apenas o árbitro era de fora e os assistentes caseiros.

 

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias