Sábado, 28 de Maio de 2022
83 9-8166-7186
Geral alerta!

UTI Covid-19 do Complexo de Patos está lotada

Segundo o diretor geral da unidade, Francisco Guedes, os pacientes não ficarão desassistidos em função desta lotação, haja vista que a unidade tem um total de 24 leitos, sendo cinco de UTI e mais 19 de Enfermaria destinados ao isolamento Covid.

20/01/2022 19h37 Atualizada há 4 meses
Por: Ary Ramalho Fonte: News Comunicação
Assessoria
Assessoria

O Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC), unidade que integra a rede estadual de saúde e que é também referência para casos de Covid no sertão, chegou a 100% de ocupação de leitos de UTI Covid na noite desta quarta-feira (19). Segundo o diretor geral da unidade, Francisco Guedes, os pacientes não ficarão desassistidos em função desta lotação, haja vista que a unidade tem um total de 24 leitos, sendo cinco de UTI e mais 19 de Enfermaria destinados ao isolamento Covid. Os demais leitos que estão sendo utilizados para outras demandas do hospital poderão ser redirecionados para assistência dos pacientes Covid e sintomáticos respiratórios graves se assim a demanda exigir. Além disso, explica Francisco, há ainda o sistema de regulação da rede que possibilita a transferência para outras unidades com leitos disponíveis.

 

"Toda essa estrutura de leitos Covid, fruto de um alto investimento do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Saúde, continua sendo patrimônio do Complexo, porém com a diminuição dos casos de coronavirus no último trimestre do ano passado, quando chegamos a um cenário de não ter nenhum paciente internado nas enfermarias e apenas um ou dois nas UTIs, fizemos um redirecionamentos deste leitos para tratarmos outras doenças que precisavam de suporte, mas, os leitos continuam a existir na unidade", explica o diretor.

 

Francisco explica que dentro deste contexto de redirecionamento de leitos, por exemplo, a UTI 1 Covid com 10 leitos, que foi montada para atender o auge da demanda de pacientes do isolamento, hoje estão sendo utilizados na Ala Amarela, dando suporte a urgência. Francisco explica ainda que mesmo com a UTI de Patos lotada, os pacientes têm a assistência necessária porque há um sistema de regulação estadual que faz o encaminhamento dele para outras unidades da rede que tenham disponibilidade de vagas. "O Estado permanece com sua estrutura montada e alerta para dar todo o suporte caso necessário para os pacientes Covid", reitera ele.

 

Sobre a dúvida que paira na população sobre a identificação de ser Covid ou a gripe Influenza, já que os sintomas são similares, o diretor orienta que ao aparecer os sintomas a pessoa busque fazer o teste para identificação de qual doença apresenta. "É necessário o teste para identificar o que se tem, o município de Patos tem testado em massa, a UPA tem acolhido os pacientes com sintomas gripais leves, que é a função da UPA, e nós temos recebido a demanda de pacientes mais graves", disse o diretor, lembrando que esse cenário atual reflete as grandes aglomerações de final de ano e o relaxamento da população nas medidas preventivas.

 

Sobre leitos Covid

 

Atualmente, o CHRDJC tem 24 leitos destinados a pacientes Covid, sendo cinco leitos de UTI Covid e 19 leitos de Enfermaria Covid, distribuídos assim: Enfermaria 3 com cinco leitos, Enfermaria 4 com sete leitos e Enfermaria 5 com mais sete leitos. O diretor geral do Complexo, Francisco Guedes, explica que há ainda os leitos de prontidão que foram redirecionados para uso em outras enfermidades, em função de outras demandas da unidade e da baixa procura por pacientes com síndrome respiratória, mas que voltarão a qualquer momento a ser destinados aos pacientes do isolamento Covid se houver aumento de casos.

 

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias